O Autor

Dos meus 21 aos 26 (quase 27) anos, a mesma descrição “sobre o autor” deste blog ficou aqui. Uma vez que as pessoas mudam com o passar do tempo, nada mais justo que esta apresentação também faça o mesmo. 

De toda forma, sou o Daniel. Tenho um diploma de Bacharel em Geofísica pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, além de uma especialização em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas. No meu tempo livre, finjo fazer um Mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal da Bahia (tenho que terminá-lo urgente!). Em questão de trabalho, sou funcionário público do Serviço Geológico do Brasil desde 2014, morando em Salvador, e essencialmente envolvido com aspectos de exploração mineral e mapeamento geológico.

Por ter sempre acreditado que a tecnologia pode melhorar a vida das pessoas, sou naturalmente curioso e propenso a testar todo tipo de coisa. Já legendei animes durante vários anos – com direito a um torrent tracker – e criei uma comunidade de desenvolvimento de jogos – bem como participei de várias, apesar de nunca ter feito um jogo interessante. Tudo isso me rendeu histórias, amigos e experiências que levo para o resto da vida – e que podem ser encontradas neste blog.

Aprendi a mexer em um Slackware quando tinha 13 anos e, desde então, virei fã do Linux – apesar de ter possuído, a maior parte do tempo, um Macbook Pro e um Dell XPS 13, com Windows. Como sempre usei notebooks durante minha vida, nunca tive oportunidade de jogar muito em PCs: é por isso que tenho a minha disposição um PlayStation 4 (já tive um Xbox One e um Nintendo Wii!), com PlayStation VR – mas atualmente jogo Overwatch sempre quando posso.

Sou praticante de Kendô desde 2014, provavelmente fruto da influência dos animes “Bamboo Blade” e “Rurouni Kenshin” (ou Samurai X, em português). Ocasionalmente pratico outras atividades físicas, como natação, tênis ou comer demais (que cansa muito!).

Se eu fosse falar sobre um sonho, seria aquele de deixar alguma marca no mundo, de ser lembrado no futuro – algo que até mesmo os grandes magnatas desejam. É em virtude disso que ocasionalmente tenho ideias que vão do conceito de “idiotas” até “geniais”, passando por “estúpidas” e “decentes” – a maioria falha, mas continuo tentando. Atualmente, tenho trabalhado em dois projetos, sendo um de Consultoria e outro de Tradução de Jogos.

Em suma, sou apenas mais um no mundo. E é isso.

Um comentário em “O Autor”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.